Vida perfeita

Não importa quando e onde estamos, a propaganda está presente de forma massiva. Desde a passividade em jingles que decoramos até as marcas que viram sinônimos de produtos, a propaganda é a alma da massificação.

Em A Alma do Negócio (1997), do diretor José Roberto Torero, um casal é a perfeita harmonia das propagandas, desde o despertar eles sabem exatamente o por quê de usarem cada produto. Mas como nada é perfeito, acabam sendo vítimas da própria publicidade, sem perder a pose do marketing, é claro.

A Alma Do Negócio é um curta-metragem que foi muito premiado e que volta a atenção a forma agressiva, e ao mesmo tempo subjetiva, que o marketing aplica ao consumidor. Pontos positivos ao roteiro com uma ótima pitada de humor negro e as atuações convincentes de Carlos Mariano e Renata Guimarães.

Grato pelo comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s